Jejum Intermitente Combate o Risco de Cancro?

Jejum Intermitente e Cancro
Jejum Intermitente Combate o Risco de Cancro

Já referi várias vezes que o Jejum Intermitente, além de muitos outros benefícios, permite a perda de peso, já que controla a quantidade de calorias que consomes diariamente!

Eu, além de perder peso, sinto-me bem, física e, mentalmente, durante o período em que não como e consigo um nível superior de produtividade.

Embora estes benefícios façam parte da minha lista, o intuito deste artigo, é direcionar-te para o impacto que o Jejum Intermitente tem, na prevenção do cancro!

A ciência, tem demonstrado vários benefícios do Jejum Intermitente, tanto na autofagia (limpeza celular), como na cetose!

Embora, já não seja um praticante compulsivo da cetose, sei que, tanto a limpeza celular como a cetose, beneficiam a apoptose celular, que é morte programada de células supérfluas, defeituosas ou cancerígenas.

Portanto, o Jejum Intermitente, pode ser uma ferramenta poderosíssima no combate ao cancro!

Abaixo, ficam descritas algumas das evidencias científicas:

#1 – O Jejum Intermitente, rejuvenesce o microbioma intestinal, e como deves saber, um intestino saudável melhora, drasticamente, a tua saúde, assim como, o teu sistema imunitário!

Eu sei, por experiência própria, que a microbiota intestinal, controla o sistema imunitário, mediando a interação entre o hospedeiro e o simbionte.

Está descrito que o jejum, equilibra o microbioma intestinal e, consequentemente, o sistema imunitário, combatendo a formação e o desenvolvimento de células cancerígenas.

#2 – Num estudo com ratos, utilizaram 2 grupos de ratos injetados com células cancerígenas. Um dos grupos jejuava dia sim dia não, enquanto o outro grupo comia a quantidade que quisesse, diariamente.

Após 10 dias de experiência, 88% dos ratos que se alimentavam à vontade, morreram com cancro.

Contudo, dos ratos que faziam jejum, 50% desenvolveram cancro!

Portanto, os ratos que se alimentavam à vontade, tiveram mais 1,8% de probabilidade de padecer, e mesmo de morrer de cancro.

Além disso, há que salientar que os ratos que jejuaram dia sim dia não, ainda perderam 2 a 3% do seu peso.

#3 – Existe um estudo que indica que, períodos de jejum protegem as células dos danos oxidativos e da quimioterapia.

Os períodos de jejum fazem uma limpeza celular, protegendo as células de danos oxidativos.

Além disso, a toxicidade originada pela quimioterapia, protege não só as células normais, como leva a que as células cancerígenas sejam destruídas.

#4 – Alguns estudos, indicam e demonstram que o jejum é tão eficaz como a quimioterapia a retardar a progressão das células cancerígenas.

Apesar do jejum se mostrar eficaz, os benefícios sentidos foram ainda mais, quando a quimioterapia foi associada à prática de jejum!

#5 – Estudos indicam que, o Jejum Intermitente, ajuda a controlar o peso corporal, o que, além de beneficiar a saúde em geral, dificulta o desenvolvimento de células cancerígenas.

Embora existam estudos controversos, todos sabemos os problemas atuais, relacionados com a obesidade.

Comer várias vezes ao dia, não faz parte dos nossos genes, portanto, ajuda os teus genes através do Jejum Intermitente e de uma Dieta Baseada em Animais.

Conclusão

Muitos dos estudos nem sempre são concordantes e são feitos em animais, mas existem estudos com gémeos monozigóticos, que demonstram que fatores hereditários, oferecem, apenas uma pequena contribuição na maioria das neoplasias.

Portanto, quanto a isso, os fatores ambientais, desempenham o papel principal!

Afinal, e segundo as estatísticas, 42% dos cancros e 45% das mortes causadas por cancro, são atribuídos a estilos de vida pouco saudáveis, como o sedentarismo, tabagismo, diabetes, excesso de gordura corporal, consumo de alimentos processados e ultra processados, entre outros.

O sobrepeso e a obesidade, contribuem pelo menos, para 13 tipos diferentes de cancro, portanto segue este Blog e adota um estilo de vida saudável!

Acredito que, o Jejum Intermitente beneficia a saúde, já que o pratico há cerca de 15 anos!

Inegavelmente, os benefícios do Jejum Intermitente são muito superiores aos da restrição calórica.

Se não padeces de nenhum tipo de doença nem precisas emagrecer, não precisas seguir, criteriosamente, o Jejum Intermitente.

No entanto, por todos os benefícios que apresenta, aconselho-te a praticá-lo, esporadicamente, durante curtos períodos de tempo.

O Jejum Intermitente, faz parte da minha vida e vou continuar a praticá-lo!

Embora, atualmente, não o execute, religiosamente, utilizo-o em 85% do tempo, para manter o meu peso corporal, viver uma vida simples e desintoxicar o meu organismo.

“Nunca te encolhas” e testa esta forma primal e livre de te alimentares!

Com ORGULHO!

Carlos Coelho, do Blog Treino Natural!

Junta-te Aos Milhões De Leitores Que Querem Viver Uma Vida Plena Com Determinação e Sucesso.

Insere o teu melhor E-mail para te subscreveres

SubscreverNão envio spam. O teu E-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Carlos Coelho
Carlos Coelho

Olá! O meu nome é Carlos Coelho e sou o fundador do Blog Treino Natural. Tenho vivenciado o submundo da Dieta, do Treino e ainda uma filosofia de vida rebelde, ousada e determinada...

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicitar exportação de dados

Utiliza este formulário para solicitar uma cópia dos teus dados neste site.

Solicitar remoção de dados

Utiliza este formulário para solicitar a remoção dos teus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Utiliza este formulário para solicitar a retificação dos teus dados neste site. Aqui podes corrigir ou atualizar os teus dados por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Utiliza este formulário para solicitar o cancelamento de inscrição do teu e-mail em nossas Listas de E-mail.