4 Benefícios do Excesso de Treino (overtraining) para Tu Conseguires o Corpo Perfeito (garantido)

A noção de que, quem treina de forma natural não o pode fazer frequentemente porque atinge o excesso de treino (1) é errado e absolutamente ridículo.

Afirmar que o treino de musculação natural, só deve ser executado 3 vezes por semana, porque se treinarmos mais, não conseguiremos recuperar e “fritamos” o nosso sistema nervoso central, é um autêntico disparate.

Se queres esquecer o overtraining (excesso de treino) e ter um corpo perfeito continua a ler…

A verdade é que, para um culturista natural é impossível obter progressos no treino se apenas fizer 3 treinos semanais. 

Evoluir com menos treino é uma realidade possível apenas para quem usa esteroides anabolizantes, mas uma grande ilusão para quem treina de forma natural.

Mesmo os utilizadores de esteroides, como Arnold Shwarzeneeger, utilizavam métodos de treino diferentes dos utilizados pelos culturistas atuais. 

Arnold treinava seguindo os métodos da velha escola (Old School), ou seja, treinos de alta frequência (6 treinos semanais), com alto volume (nº elevado de series), alta intensidade (carga máxima) e atingiu uma simetria física mais harmoniosa e atlética que os culturistas da atualidade.

Se compararmos um praticante de musculação natural, com um praticante que recorra ao uso de substâncias anabolizantes, percebemos facilmente que o primeiro necessita de muito mais treino para se aproximar dos resultados do segundo. 

Como escrevi, apenas se aproxima, pois os resultados nunca serão os mesmos, serão sempre resultados inferiores.

Pensar que treinar de forma natural não nos permite  treinar “pesado”, com muita frequência, optando por treinos tão “duros” como quem faz uso de esteróides, é um enorme MITO!

A verdade é completamente diferente. 

Ao treinarmos de forma natural, necessitamos treinar o dobro ou o triplo de quem faz uso de anabolizantes, hormona do crescimento, insulina, pro-hormonas ou diuréticos.

Já assisti inúmeras vezes a vídeos de culturistas, com massas musculares monstruosas, a treinarem com pesos leves, afirmando que o importante é a congestão do músculo e que o mesmo só deve ser treinado uma vez por semana. 

Esta realidade apenas faz parte do universo dos esteróides anabolizantes e de quem opta por entrar nele. 

Um praticante de musculação natural deve treinar pesado, duro e com elevada frequência, pois só assim será possível alcançar resultados.

Para quem treina de forma natural, treinar 3 ou 4 vezes por semana não é suficiente e não é o caminho a seguir para quem quer obter resultados. 

Treinar de forma natural implica executar 6 treinos semanais,  em que o mesmo grupo muscular deverá ser treinado várias vezes ao longo da semana.

Eu chego a treinar 15 dias seguidos, não recorro a qualquer tipo de substância anabolizante e não utilizo a desculpa do overtraining (excesso de treino). 

Não deves sentir medo e usar a desculpa do excesso de treino, para treinares menos. 

Pelo contrário, não sintas medo por treinar muito, pois nunca é demais treinar e isto é válido na grande maioria dos desportos.

A minha filha de 11 anos é federada em Natação há menos de 1 ano, faz treinos diários de 2 h – 2 h 30 min, os seus progressos tem sido enormes, é saudável e não sofre de overtraining.

Voltando à musculação, para se obter o máximo partido do treino natural deves treinar “duro”, frequente e com muito peso.

No treino natural, a progressão obtida na carga que levantas e na frequência de treino deve ser efetuada de forma lenta e gradual:

Não deves aumentar simultaneamente os pesos que colocas na barra e as repetições que fazes. 

É mais producente optares por fazer uma coisa de cada vez. 

Assim, se aumentares o peso que colocas na barra, faz menos repetições e aumenta-as gradualmente.

Se treinas 3 vezes por semana, não deves passar a fazer 6 treinos semanais de forma repentina. 

O teu corpo necessita de se adaptar a uma frequência de treino maior, então para que ocorra essa adaptação deves inserir mais um dia de treino em cada semana, até conseguires atingir os 6 treinos semanais. 

Desta forma a adaptação do teu corpo não será sacrificada.

Considero importante referir que, de forma natural existe um limite no tamanho muscular atingido por cada indivíduo. 

Esse limite será atingido em aproximadamente 1 ou 2 anos de treino, e depois de atingido esse patamar só podes perder ou ganhar gordura e “esculpir” o teu corpo de modo a que se pareça a uma estátua grega.

Para conseguires ser “grande e seco” seria necessário recorreres ao uso de esteróides anabolizantes, para que o corpo conseguisse romper os limites de tamanho muscular e continuasse a crescer.  

Mas é importante não esquecermos o sofrimento e todos os problemas associados ao uso de anabolizantes, que possuem uma lista de efeitos secundários bastante extensa! 

“Pensa numa maçã, espetacular por fora mas que, quando a abrimos está está toda podre por dentro!”

Sendo sarcástico, posso afirmar-vos que com a rotina de treino que sigo, há meses que estou em “overtraining”… 

…mas o certo é que os progressos não param, só tenho que manter uma dieta saudável, equilibrada e dormir o número de horas suficientes!

Aproveito para enumerar os benefícios do excesso de treino (overtraining):

  1. Podes comer mais sem ganhar gordura, pois todos os alimentos saudáveis que consumires serão canalizados para a recuperação muscular.

  2. O teu corpo conseguirá recuperar-se melhor depois de se adaptar a uma rotina de treino diário.

  3. Será possível alcançares uma forma física melhor, uma melhor performance e uma maior resistência muscular e cardíaca.

     

  4. Vais conseguir obter maiores progressos, no que diz respeito a aumentos de força.


Para quem não treina e inicia uma rotina de treino, vai certamente melhorar a sua forma física executando 3 treinos semanais. No entanto, se o corpo não tiver um estímulo maior, nunca vai atingir os resultados que poderia alcançar. 

Experimentei treinar com baixa frequência e não consegui melhoras significativas, pelo contrário, perdi força e resistência. 

O mesmo não aconteceu com a abordagem de alta frequência!

Conclusão

A maioria das rotinas de treino de força são de apenas 3 treinos semanais, porque são mais fáceis de executar e disponibilizam mais tempo livre para o ser humano “normal”.

No entanto, se o teu objetivo é modificar o corpo esteticamente e melhorar o teu rendimento físico, necessitas treinar diariamente e com pesos elevados, treinando com alta frequência semanal os diversos grupos musculares.

“Abraça o excesso de treino (overtraining)” e não te preocupes, porque a maioria das pessoas sofre na realidade é de falta de treino (undertraining).

Experimenta treinar diariamente durante um mês e vais com certeza ficar surpreendido com os resultados obtidos!

Termino com uma citação: “Seja em lugares remotos ou em cidades populosas, todos trabalhamos e lutamos pelo mesmo objetivo fundamental. 

Enquanto o fazemos, não podemos esquecer que é importante seguir um método correto para atingir o nosso objetivo – pois o método é que é importante.”

Comentários